CEFET-MG

TRABALHOS ACEITOS

Segue abaixo a relação dos trabalhos aprovados:

Allane de Souza Pedrotti, Felipe Gonçalves Pinto, Maicon Azevedo, Mônica de Castro Britto Vilardo e Rachel Barcelos da Cruz (CEFET-RJ)
“Educação Profissional em Pauta: reflexões sobre a experiência do I Encontro Intercampi de Educação Profissional do CEFET/RJ”

Angelo Anderson Andrade Coimbra e Glauber Eduardo Ribeiro Cruz (Pós-Graduação em História, UFMG)
“Relato de experiência: dilemas e desafios no ensino de sociologia e filosofia”

Antelmo da Silva Junior (IFES)
“Ocupações secundaristas em 2016: interseções entre o movimento e outras lutas no Brasil no mundo”

Antonio Meneses Filho (CEFET-MG)
“A educação profissional e tecnológica: um campo de disputas e contradições (1996-2017)”

Bruno Rafael Camargos de Oliveira (IFMG/Campus São João Evangelista)
“A Filosofia e seu papel político na escola”

Cíntia de Oliveira Teixeira Sousa (CEFET-MG)
“O lugar do corpo na Educação Profissional Tecnológica: possibilidades para uma educação integradora”

Cleyton Murilo Ribas (IFSC)
“Filosofia como instituição reacionária: A viabilidade de uma base argumentativa para o ensino profissional”

Davidson de Oliveira Rodrigues (Instituto Federal do Sul de Minas/Machado)
“Sociologia nos cursos técnicos em Agropecuária: desnaturalizando a relação campo-cidade”

Eliana Barretto de Menezes Lopes (IFBA/Campus Vitória da Conquista)
“A contrarreforma do ensino médio: antirreforma e construção da cidadania”

Elton Basílio de Souza e José Geraldo Pedrosa (CEFET-MG)
“O saber-fazer na pós-modernidade: refletindo sobre a educação profissional através do pensamento de Richard Sennett e Donald Schon”

Fabiano Rosa de Magalhães (Instituto Federal do Norte de Minas Gerais/Campus Araçuaí)
“O movimento OCUPAIF no IFNMG: Organização estudantil no contexto das reformas da educação pública brasileira”

Fábio Boscaglia Pinto (IFES)
“Sociologia e Empreendedorismo: duas visões dentro da educação profissional”

Fernanda Aparecida Costa Santos, Lavínia Apolyane Costa e Mariana Lara de Oliveira (Graduação em Engenharia Civil – IFMG/Campus Avançado Piumhi)
“Flores em Canteiros: relações de gênero e formação profissional na construção civil – breve experiência sociológica”

Francisco das Chagas Pereira e Margarethe Steinberger-Elias (UFABC)
“A compreensão textual nos manuais didáticos de filosofia”

Haroldo de Vasconcelos Bentes, Doris Campos Mendonça e Gisela Fernanda Monteiro Danin (IFPA/Campus Belém)
“Práticas inovadoras no ensino médio integrado: cidadania e profissionalização”

Isadora Cunha Pimentel, Ana Carolini Barreto e Isabela dos Santos Dias Gonçalves (UFMG)
“Reforma do ensino médio: análise bibliográfica e documental sobre ensino médio”

James Jesuino de Souza (IFPA)
“O ensino de Filosofia no Ensino Médio Técnico e Tecnológico: a tékhne filosófica como questionamento da experiência com a técnica e possibilidade para aulas oficinas de pensamento”

José Costa Júnior (IFMG/Campus Avançado de Ponte Nova)
“Entre problemas e história: O ensino de filosofia em cursos técnicos integrados”

Nayara de Amorim Salgado (Pós-Graduação em Sociologia – Mestrado, UFMG)
“A Sociologia e suas principais contribuições epistemológicas para a formação tecnológica na modernidade”

Nívia Rodrigues Pereira (Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social, PUC Minas)
“O uso das fontes e das falas como estratégias discursivas: Um estudo de caso das matérias publicadas nos sites das revistas Caros Amigos e Carta Capital sobre a reforma do ensino médio”

Patrick Dias Guimarães (SEE-MG)
“A Sociologia no ensino médio: expectativas e desafios”

Rafaela Campos Duarte Silva e Savana Diniz Gomes Melo (Programa de Pós-Graduação em Educação, UFMG)
“O sentido e as implicações da contrarreforma do ensino médio”

Sílvio Antônio Cardoso de Castilho (Programa de Mestrado em Ensino de Filosofia, CEFET-RJ)
“Ensino de Filosofia e sua importância nos cursos técnicos integrados do CEFET-RJ”

Williard Scorpion Pessoa Fragoso (Instituto Federal de Tecnologia do Sertão Pernambucano)
“A reforma do ensino e a falência da liberdade”

ATENÇÃO: As cartas de aceite foram enviadas por e-mail aos autores e às autoras.